Tags

, ,

“Quando as palavras perdem seu significado, as pessoas perdem sua liberdade.” (Confúcio)

Rodrigo Constantino escreveu o artigo Quando a esquerda não censura?

ser de esquerda direita brasil

Fala sobre a professora Manuela Lavinas Picq, que leciona relações internacionais na Universidade de San Francisco de Quito, no Equador, escreveu hoje um artigo publicado na Folha fazendo um mea culpa do autoritarismo das esquerdas latino-americanas.

A dita professora no final de seu artigo volta a usar a estrategia de dizer que a dicotomia entre esquerda e direita é algo ultrapassado, obsoleto.

Os esquerdopatas não tendo mais meios de continuar com seus mitos e fantasias políticas, que eles são os detentores de toda bondade no mundo, agora querem acabar com a divisão entre esquerda e direita. Já que o pau do galinheiro esquerdista esta tão sujo que não há mais como esconder tanta titica, vão usar desse artificio para manterem seu monopólio politico, apenas tirando o rotulo ideológico do mesmo.

Isso nada mais é que um novo meio para eliminar a oposição, querem forçar a direita a vir para um “centro”, algo amorfo, “pragmático” que apenas abaixa a cabeça para as vontades dos esquerdistas.

É como ocorre no Brasil, fica o PT, PSOL, PC do B, PSB e afins e os bundões da “oposição” da esquerda social democrata que apenas servem como atestadores de “democracia”, uma massa amorfa a serviço dos socialistas/comunistas agora disfarçados, sem o rotulo de esquerda.

NO FINAL TUDO SE RESUME AO MONOPÓLIO DE CORRENTES ESQUERDISTAS NO PODER.

Artigos recomendados: