Tags

, , , , ,

Como disse no artigo anterior, O ataque terrorista em Boston e o que a mídia esquerdista evita mostrar, volto ao assunto com algo extremamente grave que é omitido pela imprensa internacional (progressista) com intuito de preservar a sapiência telúrica que inventaram tratada pelo nome de Barack Obama.

Vejam essas imagens, desta matéria SHOCKING: DHS “No More Hesitation” shooting targets (PHOTOS):

DHSTarget1

DHSTarget2

É abominável, isso são alvos e a administração Obama os comprou em grande quantidade por 5,5 milhões de dólares para os agentes do DHS (Departamento de Segurança Interna) praticar tiro. O programa se chama “No More Hesitation” ou “Sem Hesitar” e claramente visa treinar agentes do estado para atacar civis honestos e respeitadores da lei, indivíduos esses que defenderiam  a nação e a constituição de um governo autoritário/tirano que tenha interesse em lhes tirar a liberdade e seus direitos.

Nessa matéria, DHS usa pessoas comuns em treinamento anti terroristas em vez de jihadistas, fica clara as reais intenções da administração em questão, que trata o cidadão americano (aqueles que construíram a América) como terroristas e terroristas islâmicos como anjinhos imaculados, vitimas da opressão.

Olhem novamente os alvos, crianças, idosos, mulheres gravidas, esses são os “extremistas” de direita que a mídia progressista ataca, que culpa por todos os males do universo. Pessoas essas que descendem dos fundadores dos EUA, pessoas que trabalham, respeitam a lei e a constituição, os pilares da Republica democrática  que garante a liberdade de imprensa a esses idiotas que tentam destruir o país berço da liberdade e do estado democrático de direito moderno.

Coisas que esses “jornalistas” jamais teriam no Irã, na Coreia do Norte ou na Síria, lugares que aos olhos deles são o paraíso na terra.

Outro ponto que não deixa duvida é esse: Renowned author: Obama wants military leaders who will fire on U.S. citizens, onde a administração Obama tem questionada as lideranças militares internas e externas sobre quais deles atirariam em civis respeitadores da lei em caso da ordem do governo federal e destituindo ou ameaçando os que se posicionam contrariamente a essa clara tentativa de golpe contra a democracia e o estado de direito nos EUA.

Como nos EUA ainda existe oposição, o plano nazista de Obama de desarmar os civis e acabar com a segunda emenda através do congresso tem dado com os burros n’água, então ele passou a ameaçar com decretos a agir veladamente com o desarmamento indireto, onde sua administração fez aquisições massivas de 1,6 bilhões de munições de armas leves para agencias federais como o DHS e afins e com isso fazendo faltar munição nas fabricas e consequentemente nas lojas de armas onde os cidadãos compram legalmente as mesma para esporte, defesa pessoal e defesa da nação contra tiranos como esse.

Lembrando que a Segunda Emenda da constituição Americana trata justamente disso, de garantir a liberdade das pessoas contra governos tirânicos.

Com certeza ainda voltarei a tratar de assuntos como esse que nos são omitidos solenemente pelos porta vozes da esquerda. Abaixo diversas fontes com materias e noticias sobre tudo isso:

747_530086477015048_309698397_n

Thomas Jefferson, 1776, proposta para a ‘Constituição de Virginia’:
“Nenhum homem livre deve ser privado do uso de armas.”
[I T. Jefferson, Papers 334 (J. Boyd ed 1950)]

Thomas Jefferson, 1787, em carta para William Smith:
“E qual país pode preservar suas liberdades, se seus governantes não são avisados de tempos em tempos que o povo preserva o espírito de resistência? A árvore da liberdade deve ser revigorada de tempos em tempos com o sangue de patriotas e tiranos.”
[em carta para William Smith, Jefferson, On Democracy 20, S. Padover, ed. 1939]

Nota: O Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos (United States Department of Homeland Security ou DHS em inglês), comumente denominado nos EUA apenas de “Homeland Security”, é um departamento do governo dos Estados Unidos da América cuja responsabilidade é proteger o território dos EUA contra ataques terroristas e agir em caso de desastres naturais.

Enquanto o Departamento de Defesa está encarregado de ações militares no exterior, o Departamento de Segurança Interna trabalha na esfera civil para proteger o território estadunidense, dentro e fora de suas fronteiras. Seu objetivo é preparar-se, prevenir e responder a emergências domésticas, particularmente terrorismo. Em 1 de março de 2003, o DHS absorveu o agora extinto Serviço de Imigração e Naturalização dos Estados Unidos da América e assumiu suas tarefas. Ao fazê-lo, dividiu a parte policial e de serviços em duas agências novas e independentes — USICE e USCIS.

Com mais de 200.000 funcionários, o DHS é o terceiro maior departamento federal do governo dos EUA, atrás apenas do Departamento de Defesa e Departamento de Assuntos de Veteranos de Guerra. A política de segurança interna é coordenada pela Casa Branca pelo Conselho de Segurança Interna. Outras agências com significativas responsabilidades em segurança interna incluem o Departamento de Saúde e Serviços Humanos, o Departamento de Justiça e o Departamento de Energia.

Atualização 2/5/13:

MSNBC’s Collective Head May Explode Over This – Chicks on the Right

Dos 31 terroristas mais procurados pelo FBI, 30 são islâmicos e um é um eco terrorista (de esquerda).