Lula honoris causa

Lula doutor honoris causa. Mais um deboche ao povo brasileiro. Mas, pensando bem, foi uma decisão coerente: a única das 5 universidades que lhe deu o título de doutor a figurar no ranking mundial das melhores universidades é a UFRJ, na posição 381 do ranking, atrás de 82 universidades americanas. Ou seja, quem brinca de ensinar homenageou quem brincou de governar.

É um prêmio à política de  imbecilização do Brasil. O Brasil se tornou um país de pessoas que sofrem desde a infância um processo de imbecilização patológica. Um doutorado brasileiro vale menos do que uma graduação americana. O diploma universitário se banalizou nesse país, então a decisão de dar título de doutor ao Lula é certa, porque, afinal de contas, hoje um filhinho de papai que estuda a vida inteira em um colégio mediano, estilo “papai pagou passou”, passa para uma “universidade” federal, que perante o mundo civilizado não existe, e sai de lá se achando intelectual. Ora, perto de  CIEP e Colégio Estadual qualquer colégio particular brasileiro é de nível europeu, porque os mesmos recebem um ensino pior que o da Etiópia. Aliás, no ranking de citações por paper das revistas científicas internacionais, os trabalhos dos alunos brasileiros são menos citados que o dos alunos da Etiópia, Uganda e Serra Leoa. Ou seja, o ensino oferecido é melhor nas universidades dos países mais pobres do mundo do que nas universidades brasileiras. Ex-Presidente Lula, não morro nem nunca morrerei de amores pelo senhor, mas nessa questão tenho que concordar: em um país que muitos alunos se formam sem frequentar as aulas, e quando vão é para dormir ou marcar presença, lhe dar o título de doutor honoris causa não é nenhum absurdo. O senhor é um símbolo: símbolo da cultura da imbecilidade brasileira, do imbecil coletivo, do camarada que escuta o termo “ditadura militar” na escola, grava e sai proclamando essa merda por aí a vida toda, dando totais provas de que recebeu uma formação mais voltada á formação ideológica do que á formação profissional. Lula é o símbolo da “inducassão” brasileira, das pessoas que estudam pouco, porque, afinal de contas, a educação liberta, e nossos políticos não querem o povo livre. Enquanto os EUA têm um presidente formado em Harvard, aqui temos um ex-presidente analfabeto que se aposentou por causa de um dedo mindinho arrancado da mão e uma presidenta que inventa um diploma de doutorado que ela nunca teve. Se o Brasil ficasse onde fica Cuba, eu até me arriscaria no meio dos tubarões para sumir daqui e nunca mais voltar…

Autor: conservador2012

Paulo Felipe Rodrigues Pozzato Cruz, 31 anos, natural do Rio de Janeiro, de perfil conservador-liberal. Parente de militares, sabe como ninguém o que é sofrer nas mãos das calúnias esquerdistas. Formado em Direito e atualmente estudando Jornalismo. Crítico feroz do marxismo que predomina na educação brasileira, nivelando a universidade por baixo.

7 comentários em “Lula honoris causa”

  1. Mas ae é que está, eu tb nao morro de amores por ele, mas convenhamos, ele é só um “tiririca” da vida usado como fantoche!O problema é que o brasileiro se tornou muito acomodado (pra nao falar outra coisa…), e como diz a cartilha de Gérson:
    Por que eu vou me matar esforçando estudando e trabalhando pra ganhar um salário mínimo, se eu posso ser funcionário público, ou então se eu for burro demais, ou nao tiver nenhum parente na politica pra fazer os “Quem Indica”, vo fazer papel de coitadinho na TV pra ganhar bolsa sustento o resto da vida!Ae eu vou continuar no salario mínimo, mas nao vo precisar me esforçar/trabalhar!XD
    Nem preciso comentar que esse pensamento está se tornando um círculo vicioso nao é?

  2. Um texto curto que consegue sintetizar grandes fatos. Aqui, nossas “melhores universidades” estão distantes da qualidade das melhores dos outros países. Porém, mesmo assim, o povo daqui pensa que elas são de nível extremamente alto. Como essas seriam as melhores do país, então o povo pensa que elas são de altíssima qualidade, mas se esquecem que elas são de altíssima qualidade graças à comparação com o resto, que é de nível baixo, algo nivelado por baixo. Comparando com as grandes de fora, elas são bem inferiores, principalmente em ciências sociais, área cheia de pseudo-Che e pseudo-Marx.

    1. Exatamente Lucas comparado com as universidades particulares brasileiras qualquer uma é de excelência. Estudar em escola particular no Brasil não torna o cara mais inteligente ou mais culto que pessoas como o Lula e o Tiririca, porque a única diferença é que na particular você paga para ser imbecilizado, e não há mérito nenhum em passar para uma universidade pública no Brasil. Basta responder na 1a questão: “eu tenho vontade de reduzir os EUA a pó” que a banca te aprova na hora, nem corrige o resto.

  3. Tudo que Vossa Senhoria falou é verdade. O problema é que o barbudo pseudo-comunista pode vir ser presidente da república novamente em 2014, e o PT (Partido dos Trambiqueiros) poderá solicitar judicialmente a retirada deste blog do ar, sob acusação de falar a verdade mais pura e cristalina de forma a incomodar profundamente aquela parcela hipócrita da classe política e os “con pitre” da UFRJ.
    Talvez um presidente com a cultura do Fernando Henrique Cardoso e a popularidade do Getúlio ou mesmo do Lula poderia ser um governante mais preocupado com os problemas mais básicos que o Brasil enfrenta. Por outro lado nunca descartei a ideia de que deveríamos pegar em armas e lavar as vias públicas com o sangue desses inglórios políticos. Crime? Assassinato? A Revolução Cubana, a Revolução Francesa e a Revolução Bolchevique são provas do velho ditado popular que diz que não se faz omeletes sem quebrar os ovos. Além disso ainda falta um elemento que cause trauma na sociedade, algo que faça as pessoas se encararem com mais seriedade. Nunca tivemos uma fome em escala parecida àquela pela qual passou o povo russo e o povo chinês. Nunca derramamos sangue tal como ocorreu nesses países. Esses eventos são marcas na memória do sociedade e servem como um banho de água fria no povo. Talvez por isso o povo chinês não reaja diante das execuções à bala de criminosos comuns e de políticos corruptos. Precisamos de um evento parecido para ver se os nordestinos param de mexer bunda achando que tudo é festa nesse país e para ver se os paulistas/sulistas param de babar o saco da rede globo do PSDB.
    Tubarões? Ah o quê é um tubarão diante da beleza da cultura?

    Abraços

    wagner magalhaes, orgulhosamente preto e nordestino! sem frescuras…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.