Tags

, , , , , , , , , , , , , , , , ,

Friedrich Hayek

A Escola Austríaca de Economia, também conhecida como Escola de Viena ou Escola Psicológica, é uma escola econômica baseada no princípio da organização espontânea dos mecanismos de preços. Defende, portanto a não intervenção na economia. Acredita que deve-se respeitar à risca os acordos contratuais voluntários entre os agentes econômicos.

Eugen von Böhm-Bawerk

A escola se chama austríaca devido aos seus fundadores e primeiros adeptos serem dessa nacionalidade. Podemos destacar entre eles os nomes de Carl Menger, Eugen von Böhm-Bawerk, Ludwig von Mises, Frederick August von Hayek. Embora a escola tenha ganho esse nome por seus fundadores serem austríacos, seus defensores têm inúmeras nacionalidades.

Carl Menger

A escola austríaca baseia-se no conceito do individualismo metodológico que trata-se da análise das ações humanas a partir dos agentes individuais, ou seja, busca a explicação de fenômenos econômicos a partir das ações dos indivíduos.

Ludwig von Mises

Devido a praxeologia, que nada mais é do que o estudo de fatores que levam as pessoas a atingir os seus propósitos, foram criados axiomas (proposição lógica necessária para construção ou aceitação de uma teoria), entre eles podemos citar que o homem age sempre em função de aumentar o seu conforto ou reduzir seu desconforto. Sendo assim, com a liberdade de mercado é mais fácil atingir esse objetivo, pois o Estado é incapaz de suprir as necessidades do ser humano, já que este não sabe com exatidão as necessidades de cada indivíduo que compõe a sociedade. Cada ser humano tem sua necessidade pessoal/individual.