Tags

, , , , , , , , , , ,

Um discurso interessante que assisti pela internet e gostaria de compartilhar com vocês. Estava discutindo no Orkut sobre o artigo que postei aqui outro dia, sobre a visão da empresária senegalesa Magatte Wade e o empreendedorismo na África. No meio da conversa uma forista me recomenda assistir esta palestra. Eu esperava algo sobre Economia da África, pobreza, colonialismo, etc.

Chimamanda Adichie

Bom, a mulher que discursa é Chimamanda Ngozi Adichie, uma autora e contadora de histórias nigeriana de origem Igbo. O que ela conta, além de um pouco de sua própria história de vida, é uma lição muito importante para aqueles que pretendem entender os problemas sociais, não só da África, e agir para solucioná-los.

Chimamanda expoe aquilo que eu chamo de caricaturização. A caricaturização é um meio de descrever ou representar as pessoas ou povos inteiros de tal modo que somente certas características são exibidas e acentuadas, ao passo que outras são omitidas. A caricaturização é uma técnica de propaganda e guerra ideológica, muitas vezes, quando procura vilificar um povo ou martirizar outro. Muitas vezes, a caricaturização tem a intenção de ser “socialmente sensível” aos problemas do outro, mas acaba por ser prejudicial a quem se pretende defender. Bom, Chimamanda explica melhor do que eu. Assistam:

Parte I

Parte II

Site de Chimamanda: http://www.l3.ulg.ac.be/adichie/index.html