Festa no além para Stalin e Hitler: extrema-esquerda e “extrema-direita” se juntam após vitória do Syriza na Grécia

Publicado originalmente em Ceticismo Político:

siirya

Já se foi o tempo em que a Grécia era respeitada por seu conhecimento. O tempo de Aristóteles e Sócrates já se foi há muito tempo. Nesta fim de semana, o partido Syriza, de extrema-esquerda venceu as eleições no país. E ganhou o apoio da “extrema-direita”, conforme vemos em notícia da Veja:

O líder da Coalizão de Esquerda Radical (Syriza), Alexis Tsipras, será o novo primeiro-ministro da Grécia graças a uma aliança selada na manhã desta segunda-feira com um partido nacionalista dissidente da direita. O acordo foi firmado durante reunião com Panos Kammenos, chefe dos Gregos Independentes. Juntos, os dois partidos terão no mínimo 162 deputados no Parlamento, mais do que a maioria necessária, de 151.

A aliança entre as duas forças já era esperada desde a semana passada, quando declarações nesse sentido haviam sido feitas por líderes dos dois partidos. O que surpreende é que os Gregos Independentes…

Ver original 534 mais palavras

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 3.793 outros seguidores